Quarta-feira, 18.06.08

Hoje no Público, Bénard da Costa escreve uma resposta à antiga ministra da cultura, Isabel Pires de Lima. Não é do texto que venho falar, nem do que ele defende, nem se tem ou não razão porque a partir do momento em que alguém tem o distinto topete de escrever isto (a parte que "boldo") "Meta-se com gente do seu tamanho e haja respeitinho por quem não tem idade, nem percurso profissional, nem posição social para gastar mais cera com tão ruim defunta" vai directinho para o meu caixote de lixo mental. Há argumentos que  deviam envergonhar quem os invoca,  qualquer que seja o contexto em que são usados.

 

(em stereo)




5 comentários:
De Joana Lopes a 18 de Junho de 2008 às 15:13
Pois, Shyz, eu conheço o «bicho» muito, muito bem e assino por baixo.


De Shyznogud a 18 de Junho de 2008 às 15:28
Já tivemos conversa sobre temática semelhante, a propósito da condescendência com que são tratados os mais velhos. Se se tem uma certa idade não "se critica", não se "é agressivo com"... se isto não é sinal de uma tremenda falta de respeito intelectual é o quê?
Apesar de tudo sou mais tolerante para esse tipo de condescendência do que para posições como esta do Bénard da Costa, que usa a idade (argh! e o "respeitinho", há palavras mais asquerosa q esta?) para se colocar num pedestal acima do comum dos mortais? Mas quem é q ele pensa q é?

Reafirmo q me estou nas tintas se tem ou não razão na polémica em causa.


De FuckItAll a 18 de Junho de 2008 às 17:04
De facto, é a chamada falta de chá - e de coragem para olhar os outros sem precisar de desníveis. E não o digo ao de leve, que até tendo a simpatizar muitas vezes com o senhor.


De Mónica a 18 de Junho de 2008 às 19:26
Mas não foi precisamente a Pires de Lima que fez aquela excepçãozinha à lei, para que o senhor se eternizasse no cargo de director da Cinemateca? (Ou sou eu que estou "out" e perdi alguma coisa? Confesso que não ando com muita pachorra para notícias nestes últimos tempos...).

E sim, "respeitinho" deve ser das palavras mais abomináveis que (ainda) por aí andam...


De Aurea Mediocritas a 18 de Junho de 2008 às 21:50
Ah ganda Benard!
Muito bem! Porque há uma gente que sabe a pouco detestá-la apenas pela razão!
E para todo esse enorme espaço de raiva que a lógica não dá vazão, há o aspecto físico, a posição social, a roupa que vestem, o que comem, como comem e tudo o resto que nos lembrar-mos!
Deixo-vos com as sábias palavras de Jonnhy Rotten, "Anger is an energy!"


Comentar post