Quarta-feira, 30.04.08

Amanhã podem começar os festejos um bocadinho mais cedo:

 

O MayDay é uma parada de precári@s que vem marcando o 1º de Maio em várias cidades por esse mundo fora, desde da estreia em 2001, em Milão. Depois da primeira edição no ano passado, o MayDay Lisboa está de volta!


sinto-me: precária



Há melhor forma de ilustrar a crónica de Batista-Bastos de hoje no DN* que relembrar Carlos Drummond de Andrade e, também, a "Flor da Idade" de Chico Buarque?

* Começa assim: Cavaco despreza Santana, que deprecia Pacheco, que desdenha Menezes, que odeia Rio, que apouca Santana, que detesta Pacheco, que menospreza Menezes, que desconsidera Marcelo, que destrata Patinha, que desaprecia Borges, que caustica Santana, que aborrece Mendes, que desvaloriza Pacheco, que atazana Santana, que rebaixa Leite, que desabona Menezes, Mendes, Santana, Patinha, Aguiar, e todos os outros restantes; e todos os outros restantes abominam os anteriores.(...)





… um cartaz histórico.

Adenda: uma emissão, também ela histórica, do “2000 Ans D’Histoire”, emitida no passado dia 21 de Março, na France Inter.


 


boomp3.com (em stereo)